CIRURGIA CARDIOVASCULAR
O serviço de Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular do Hospital Ana Nery funciona desde maio de 2005 prestando serviços sob a forma de Procedimentos de Alta Complexidade em Cardiologia, Cirurgia Cardíaca, Angiologia, Cirurgia Vascular para pacientes do SUS e comporta a Residência Multiprofissional em Cardiologia. Além disso, funciona como campo de estágio do internato da FMB (Faculdade de Medicina da Bahia) da UFBA.
O Hospital Ana Nery é responsável por 50% das cirurgias cardiovasculares em adultos no Estado (SUS).

 

CARDIOPEDIATRIA 
O Hospital Ana Nery é o único hospital público que presta assistência integral à criança cardiopata no Estado da Bahia, contando com uma equipe multiprofissional composta por cardiologistas e intensivistas pediátricos. É também um centro de ensino e pesquisa com programa de Residência Médica em Cardiologia Pediátrica, campo de estágio dos médicos residentes de pediatria do HUPES (Hospital Universitário Professor Edgard Santos) e HGRS (Hospital Geral Roberto Santos), através de cooperação entre os hospitais, como também campo de estágio do internato II em pediatria da FMB – UFBA.
Presta assistência ambulatorial, clínica, cirúrgica e intervencionista, tendo um pronto atendimento referenciado visando de avaliar crianças internadas em outras unidades hospitalares. Atua oferecendo assistência multiprofissional envolvendo enfermagem, fisioterapia, nutrição e psicologia. Dispõe também brinquedoteca e área complementar do Projeto Escola Feliz, beneficiando as crianças internadas na unidade.
Em cirurgia cardiovascular pediátrica, o HAN é responsável por 60% dos procedimentos realizados no Estado pelo SUS.

 

HEMODINÂMICA
O Hospital Ana Nery dispõe de Serviço de Hemodinâmica, composto por duas salas equipadas com angiógrafos de última geração, que permitem a realização de procedimentos diagnósticos e terapêuticos com alta qualidade de imagem, nas áreas de cardiologia intervencionista, endovascular e arritmologia.
A demanda de atendimento oriunda da regulação do Estado e do Sistema Vida, fazem do Hospital Ana Nery a principal referência na atenção cardiovascular de alta complexidade na Bahia. Realizamos em torno de 600 procedimentos por mês, o que representa 40% dos cateterismos em adultos, 63% dos cateterismos pediátricos e 63% das angioplastias de membros para todo estado, sendo líder em angioplastias coronarianas.
A equipe formada por cardiologistas intervencionistas, angiologistas e arritmologistas, com eficiente suporte de anestesiologistas e do corpo de enfermagem, realizam procedimentos diagnósticos e terapêuticos. Destacamos as angioplastias coronárias e periféricas, o tratamento percutâneo de valvulopatias, aneurismas e cardiopatias congênitas, o implante de marca-passo e cardiodesfibriladores. Além da assistência, somos também centro de treinamento para médicos residentes em cardiologia.

Esses procedimentos têm seu funcionamento assegurado 24 horas por dia, contando juntamente com o suporte da SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), através de parceria firmada com o hospital, para atendimento prioritário ao infarto agudo do miocárdio, atendendo em média 325 pacientes por mês.

 

TRANSPLANTE CARDÍACO 

O Serviço de Transplante de Órgãos do HAN tem a finalidade de implantar e manter os serviços de Transplante Cardíaco e Pulmonar, assim como implementar ações para reestruturar o Serviço de Transplante Renal.
Para realização desta proposta, o Hospital Ana Nery tem projetos de reestruturação física, com criação de três novos leitos de isolamento em UTI, modificações no centro cirúrgico com criação de mais uma sala cirúrgica para realização de procedimentos de alta complexidade, estruturação de uma enfermaria específica para internamento dos pacientes do serviço, assim como a manutenção de um ambulatório específico para avaliação e acompanhamento dos pacientes que necessitam ser submetidos a um ou outro tipo de transplante.

O HAN é o único serviço de cardiologia pediátrica credenciado para transplante cardíaco pediátrico. Realizou o primeiro transplante cardíaco com sucesso em um hospital público e o primeiro transplante de pulmão, na Bahia, ambos em 2015. É a única UTI pública no Estado que interna pacientes em pós-operatório de transplante cardíaco, renal e pulmonar. a equipe multiprofissional de transplantes do Hospital Ana Nery participa do Projeto de Tutoria em Transplante Cardíaco do Hospital de Messejana, em Fortaleza-CE, com aulas teóricas e práticas que abordam técnicas de transplantes de coração e implante de coração artificial. Além disso, o Hospital Ana Nery também realiza o acompanhamento pré-transplante cardíaco de 32 pacientes e de 20 pós-transplante.

 

TRANSPLANTE RENAL
O Serviço de Nefrologia no HAN comporta o Programa de Transplante Renal totalmente consolidado, sendo o único serviço público no Estado a realizar transplante renal pediátrico, sendo responsável por 63% dos transplantes renais da Bahia (SUS)
Estimulados pela Central de Transplantes do Estado da Bahia da SESAB e do Ministério da Saúde, o HAN está formando uma estrutura de recursos humanos, onde conta com o apoio dos serviços médicos e de profissionais da equipe multidisciplinar.
O Hospital Ana Nery fornece como retaguarda e apoio diagnóstico para o atendimento ao paciente transplantado parque tecnológico que inclui Tomografia Computadorizada, Ressonância Magnética, Cintilografia e patologia com realização de C4d e Imunofluorescência. Os pacientes renais são acompanhados no pré-operatório e após a realização do procedimento do transplante renal.

PARATIREOIDECTOMIA
Desde 2015 o Hospital Ana Nery vem ampliando o número de paratireoidectomia (PTX), cirurgia que ofecere a cura completa para casos mais graves do hiperparatireoidectomismo (HPT), doença que acomete alguns dos pacientes renais crônicos, condição em que há excesso do hormônio paratormônio (PTH), responsável pelo equilíbrio do cálcio, vitamina D e fósforo no corpo humano, em especial nos tecidos que precisam desses nutrientes, como os ossos.
O HPT atinge diretamente a qualidade de vida dos pacientes renais crônicos, deixando os ossos mais frágeis, causando dores agudas e, em casos mais graves, deformidades irreversíveis. Conta com ambulatório de doença óssea, com a finalidade de promover o tratamento da doença metabólica, realizando paratireoidectomia, com o suporte da equipe de bucomaxilofacial, para realização de reconstituição de face.
O Hospital Ana Nery é praticamente o único Hospital no Estado a realizar este procedimento (responsável por 94% das PTXs), ocupando a 3ª posição em escala nacional.

 

DIÁLISE PERITONEAL
A Diálise Peritoneal (DP) é uma das alternativas de tratamento dos pacientes renais crônicos, onde o processo da diálise ocorre dentro do corpo do paciente, através de um cateter de diálise peritoneal implantado no abdome, próximo ao umbigo. A solução de diálise é inserida através do cateter, fica um tempo na cavidade peritoneal e depois é drenada, realizando a limpeza do sangue.
Uma das principais vantagens da Diálise Peritoneal é que, após um período de treinamento, o paciente pode realiza-la em casa, de maneira independente e/ou com um auxílio de um familiar, que também será treinado para realizar o procedimento. Além disso, por ser um procedimento mais suave, pacientes com problemas graves de coração ou fígado se adaptam bem a esta modalidade.
No Hospital Ana Nery é realizado o implante do cateter nos pacientes e também o treinamento dele e dos familiares, assim como visita à domicílio para verificar as condições para a realização do tratamento em casa. Nosso serviço dispõe de duas enfermeiras, cirurgião geral – para implante e reposicionamento do cateter – e 02 médicos nefrologistas que ficam disponíveis em tempo integral para atender dúvidas, consultas, treinamento e intercorrências dos pacientes acompanhados pelo programa. Ademias, visando a atenção total do doente, ainda temos na equipe nutricionista, psicólogo e assistente social.
No ano de 2017 começamos a ampliação do programa de diálise peritoneal, atendendo a grande demanda do Estado de vagas ambulatoriais para pacientes dialíticos. Hoje já são aproximadamente 54 pacientes inscritos no serviço, fora aqueles apenas aguardando o implante do cateter de tenckoff. Usualmente implantamos 02 cateteres /semana.
As crianças, em pós-operatório de cirurgia cardíaca, que necessitam de suporte de diálise peritoneal, realizam procedimento com equipo específico da pediatria que foi adquirido pelo hospital para maior segurança e controle dos pacientes pediátricos.
O HAN dispõe ainda de unidade de Terapia Intensiva, enfermaria de nefrologia, com equipe treinada e material necessário para atender à quaisquer intercorrências relacionada a terapia, sendo o único hospital na Bahia da rede própria a aceitar pacientes para diálise peritoneal.