(071) 3117-1800
contato@han.net.br

Semana da SIPAT 2018 /2019

A semana da SIPAT ( Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho) do Hospital Ana Nery aconteceu nos dias 22/04 e 23/04/2019 e foi realizada pela CIPA ( Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), com palestras dinâmicas  e  interativas para os colaboradores do Hospital, onde buscou elevar o sentimento  de responsabilidade e autoestima, além de ter incentivado a prática de bons hábitos no dia-dia, aguçando a consciência e orientando a respeito da Educação Financeira, Segurança no Trabalho, Prevenção de DST’s ( Doenças sexualmente Transmissíveis ) com foco na prevenção do HIV, manuseio correto de Perfurocortantes e Primeiros Socorros.  Trouxe o Slogan – “Se o acidente é um problemão a prevenção é a solução.” Frase a qual foi eleita em concurso interno realizado pela CIPA, tendo como vencedora do concurso a Enfermeira Ramana Rangel.

Programação:

22/04/2019 – Segunda-feira
Ana Valéria da empresa Delit Arte e Bem Estar com a palestra de Mudança de Hábito em Tempo e Educação Financeira.
Carolina Barbosa Médica Infectologista do Hospital Ana Nery abordando os temas prevenção de  DST’s – HIV/AIDS

23/04/2019 – Terça-feira
Carolina Plácido com a palestra Perfurocortantes e uso de materiais com dispositivo de segurança.
Willian Neves Enfermeiro do Hospital Ana Nery trazendo a palestra de Primeiro Socorros

Confira as fotos do evento:

Profissionais do Hospital Ana Nery são homenageados pela ASPARES/BA

– Associação de Pacientes Renais Salvador, com a entrega do troféu Amigos dos Renais.

O Hospital Ana Nery irá participar do World Congress On Acute Heart Failure 2019

Resumo 1

TERAPIA MÉDICA OTIMIZADA NA ADMISSÃO POR INSUFICIÊNCIA CARDÍACA AGUDA VS TRATAMENTO MÉDICO OTIMIZADO NO MOMENTO DA ALTA 

OPTIMIZED MEDICAL THERAPY AT ADMISSION FOR ACUTE HEART FAILURE VS MEDICAL TREATMENT OPTIMIZED AT THE MOMENT OF DISCHARGED

A Insuficiência Cardíaca Aguda (ICA) é a principal causa de hospitalização em adultos no Brasil. O objetivo deste estudo foi comparar a terapia medicamentosa otimizada na admissão da IC com o tratamento médico otimizado prescrito no momento da alta. Trata-se de um estudo de coorte prospectivo realizado entre janeiro de 2016 e dezembro de 2018. Foram analisados 318 pacientes em relação à terapia medicamentosa antes da admissão hospitalar e no momento da alta.

ADMISSÃO ALTA

 

Terapia Médica Otimizada 48 (42,2%) 276 (86,6%)
IECA/BRA 45 (14,1%) 202 (73,5%)
Betabloqueadores 45 (14,1% 249 (90%)
Espironolactona 47 (14,7%) 206 (74%)

 

A adoção de uma estratégia assistencial multidisciplinar com orientações e medidas específicas para IC durante a internação, alta hospitalar e acompanhamento dos pacientes, possibilita maior qualidade da atenção voltada para a compensação do quadro clínico, autocuidado, reconhecimento e prevenção de sintomas de ICA.

Resumo 2

MORTALIDADE E COMPLICAÇÕES APÓS IMPLANTES DE DISPOSITIVO ELETRÔNICO CARDÍACO NA INSUFICIÊNCIA CARDÍACA AGUDA MORTALITY AND COMPLICATIONS AFTER IMPLANTS OF CARDIAC ELECTRONIC DEVICE IN ACUTE HEART FAILURE 

Nas últimas décadas, a Terapia de Ressincronização Cardíaca (TRC) e os Cardiodesfibriladores Implantáveis (CDI) são opções de terapia adjuvante não farmacológica e de alto custo para a Insuficiência Cardíaca (IC). O objetivo deste estudo é descrever as complicações após o implante de DEIC na IC. Trata-se de um estudo prospectivo de coorte realizado a partir de maio/2017. Foram analisados ​​64 pacientes com indicação para uso de DEIC de alto custo: CDI e / ou TRC.

N (%)
Insuficiência Renal Aguda 24 (37,5%)

 

Hematoma 4 (6,25%)

 

Infecção 4 (6,25%)
Pneumotórax 1 (1,5%)
Deslocamento de eletrodo 1 (1,5%)
Explante do dispositivo 3 (4,6%)
Óbito Intra-hospitalar 4 (6,25%)
Óbito em até 1 ano 3 (4,6%)

 

Tempo médio de internação 15 dias

 

Conclui-se que, tendo em vista o alto potencial de complicações dos implantes de DEIC na fase aguda da IC, deve-se considerar o adiamento do implante nessa fase sempre que possível.

II Encontro de Enfermagem em Ciência e Tecnologia

Prevenção e Tratamento de Infecções em Cirurgias Cardíacas

I Simpósio das Residências Multiprofissional e Médica em Cardiologia do Hospital Ana Nery – HAN

A Residência Multiprofissional do Hospital Ana Nery fechou o ano de 2018 com chave de ouro. Isso porque a Coordenação da Residência Multiprofissional em parceria com a Coordenação da Residência Médica e o suporte da Educação Permanente realizaram o I Simpósio das Residências Multiprofissional e Médica em Cardiologia do Hospital Ana Nery.

O evento ocorreu no dia 10 de Dezembro de 2018 tendo como tema Abordagem Multidisciplinar no Cuidado ao Paciente Cardiopata. O Simpósio foi aberto ao público e reuniu mais de 181 profissionais da área de saúde, entre residentes, colaboradores do HAN e participantes externos. Além disso o evento arrecadou 170 materiais de limpeza e higiene pessoal, que foram doados para a Associação Baiana de Assistência à Criança Cardiopata (ABACC).

“Para uma efetiva interdisciplinaridade no cuidado ao paciente é necessário que o profissional de saúde conheça as especificidades de atuação de cada membro da equipe multiprofissional”, comenta Roberval Prado, Coordenador da Residência Multiprofissional do Hospital Ana Nery e Coordenador da Comissão Organizadora do Simpósio.

Diversos palestrantes compartilharam suas experiências profissionais e contribuíram para o sucesso do evento, dentre eles: Dr. Júlio Braga – Cardiologista; Dr. Sulivan Hubner – Coordenador da UTI Geral; Dra. Mila Simões – Cardiologista Pediátrica; Dra. Mª Manuela Camões – Coordenadora da UTI Pediátrica; Viviane Lacerda – Fisioterapeuta; Everton Fiaes – Gerente de Suprimentos e Coordenador Farmacêutico; Luciana Brito – Nutricionista; Viviane Sarmento – Odontóloga; Helder Farias – Psicólogo; além dos Membros da Equipe Multiprofissional que participaram da Mesa Redonda em Cardiologia (Adulto e Pediátrica).

O Simpósio contou com o apoio do Diretor Geral do HAN, Dr. Luís Carlos Santana Passos; Diretor Médico do HAN, Dr. Igor Ferreira Lobão; Diretora Administrativa, Maria Emília dos Santos Silva; Coordenador da Residência Multiprofissional do HAN, Dr. Armênio Guimarães; Coordenador do Programa de Residência Médica, Dr. Álvaro Nonato; Preceptor da Residência Médica de Cardiologista, Dr. Júlio Braga; Enfermeira da Educação Permanente em Saúde, Railídia de Souza; Gestores e Coordenadores Multiprofissionais do Hospital Ana Nery.

Tarde Científica em comemoração ao Dia do Fisioterapeuta

O Dia do Fisioterapeuta deste ano teve uma comemoração mais que especial no Hospital Ana Nery. Isso porque a Coordenação de Fisioterapia em parceria com a Educação Permamente, realizaram a I Tarde Científica em comemoração ao Dia do Fisioterapeuta.

O evento ocorreu durante a tarde do dia 11 de outubro e reuniu mais de 70 profissionais da área de saúde, em especial os fisioterapeutas do Hospital, tendo como foco a fisioterapia aplicada em pacientes críticos, transplante cardíaco, cardiopediatria, dentre outros temas da atualidade.

A maioria das pessoas não compreendem a atuação do fisioterapeuta em pacientes cardiopatas e/ou transplantados, por desconhecimento da função deste profissional no ambiente hospitalar. “Os principais aspectos da atuação do fisioterapeuta nesta área envolve a prevenção do declínio da função motora e respiratória, visando reabilitação funcional, retorno precoce às suas atividades de vida diária e reinserção plena no âmbito social”, comenta Roberval Prado, Coordenador de Fisioterapia do Hospital Ana Nery

 

Melhor Tecnologia, Mais Gastos Piores Resultados

Whady Hueb

Instituto do Coração (InCor) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, São Paulo, SP – Brasil

Palavras-chave Revascularização Miocárdica / economia; Revascularização Miocárdica / mortalidade; Angioplastia Coronária com Balão; Procedimentos Cirúrgicos Robóticos / tendências; Stents Farmacológicos / economia; Salas Cirúrgicas / tendências

A revascularização cirúrgica do miocárdio vem experimentando mudanças tecnológicas substanciais desde o seu surgimento. De fato, técnicas cirúrgicas primitivas sem nenhum fundamento fisiológico foram empregados para criar condições de aumento da oferta de sangue ao miocárdio isquêmico. Nessas técnicas, incluíram-se a “talcagem” do pericárdio, a ligadura do seio venoso, a cirurgia de Beck, a cirurgia de Vineberg dentre outras. Contudo, dados seus resultados frustrantes, e por não corresponderem às expectativas, essas técnicas foram abandonadas.

O surgimento de uma nova técnica, mais racional – o bypass aorto-coronário com enxertos venosos, e posteriormente, com enxertos arteriais – permitiu maior fluxo de sangue no miocárdio isquêmico. Continue reading

Transplante cardíaco no Hospital Ana Nery é tema de programa de rádio

Transplante cardíaco e a importância da doação de órgãos foram os temas escolhidos para o programa Metrópole Saúde da Rádio Metrópole no dia 14 de maio. Para participar da discussão, foram convidados o cardiologia e Diretor Geral do Hospital Ana Nery (HAN), Luiz Carlos Passos, a enfermeira do programa de transplantes do HAN, Daniela Lins, e a coordenadora de transplantes da Sesab, Rita Pedrosa. Continue reading

Clínica de Insuficiência Cardíaca do Hospital Ana Nery é destaque durante mesa multidisciplinar no 30º Congresso de Cardiologia

Na manhã do dia 10 de maio, 2 º dia do 30º Congresso de  Cardiologia da Bahia, a coordenadora do Serviço Social do Hospital Ana Nery, Aline Grimaldi, participou de uma mesa multidisciplinar  sobre Insuficiência Cardíaca – IC, trazendo para os participantes a experiência pioneira da  Clínica  de IC do HAN. Continue reading


Post navigation